Moda perigosa no TikTok: desafio "quebra crânio"

Quem nunca se machucou na adolescência? Mas agora, com as redes sociais, é mais fácil fazer isso chamando a atenção de milhões de pessoas. Isso alimenta o fogo de desafios como o #skullbreakerchallenge ("desafio quebra crânio") do app TikTok, uma moda que começou há cerca de um mês e alarma médicos e pais.

Tiktok

O TikTok é uma rede social especialmente popular entre crianças e adolescentes. Lá, vídeos online podem ser publicados e viralizados com muita facilidade. No aplicativo, o objetivo é chamar atenção no menor tempo possível, pressão que, infelizmente, também leva a situações extremas.

No caso de desafio quebra crânio, o desejo de obter "curtidas" já causou inúmeras vítimas. O que a princípio pode parecer entretenimento inofensivo, pode realmente causar lesões graves.

危険

O vídeo mostra duas pessoas pedindo a uma terceira, que não conhece o desafio, que dê um salto. Enquanto essa pessoa pula, os outros dois chutam suas pernas e ele cai no chão. A vítima pode bater o cóccix, costas ou pescoço no chão.

A gravidade dessa brincadeira é confirmada por inúmeros relatórios médicos de hospitais dos EUA: muitas pessoas sofreram danos na cabeça e na coluna. O neurocirurgião alemão Dr. Munther Sabarini adverte:

"No pior caso, é possível quebrar o pescoço, a coluna, a pélvis ou o cóccix. Se após a queda houver perda de consciência, isso geralmente indica uma lesão na cabeça, que também pode causar hemorragias cerebrais ou fraturas ósseas do crânio em caso de um impacto particularmente forte".

[email protected]_hin

Segundo o neurocirurgião, o fato de a vítima não apresentar sintomas graves a princípio não significa que o perigo tenha passado.

"No caso de impactos verticais, vários sintomas aparecem também após alguns dias, como formigamento, dormência ou paralisia dos membros", explica ele.

No pior dos casos, a paraplegia pode ocorrer dias depois, deixando a pessoa em uma cadeira de rodas pelo resto da vida.

A plataforma TikTok já está adicionando avisos à hashtag #skullbreakerchallenge e excluindo os vídeos relevantes. No entanto, como esses fenômenos da Internet não podem ser eliminados da noite para o dia, é igualmente importante que crianças e jovens sejam informados sobre seus perigos.

É importante compartilharmos postagens como essa no Facebook, para impedir que mais jovens se tornem vítimas de uma "diversão" absolutamente sem sentido.

Guarde no Pinterest.

Fonte:

focus,

rnd

Comentários

Também incrível